Aconteceu no dia 20 de novembro a missa festiva em louvor a Nossa Senhora D´Ajuda. Por conta da pandemia a festa profana foi cancelada e os embalos e ternos que desfilam pelas ruas de Cachoeira, alegrando moradores e visitantes, pelo segundo ano consecutivo não desfilaram.

A missa na pequena capela dedicada à Nossa Senhora da Ajuda contou principalmente com a participação dos membros da Irmandade da Ajuda, confraria religiosa que cuida dos eventos religiosos e profanos. Mesmo com os números de casos de Covid-19 em queda no município, já são 15 dias sem casos ativos, a Irmandade usou a prudência e os decretos do Estado para não realizar os festejos profanos.

A celebração religiosa, que aconteceu para um pequeno grupo de fiéis e também foi transmitida pelas redes sociais, foi presidida pelo  Cônego Hélio Vilas-Boas e a pregação foi feita Padre Thierry Bierlaire. 

A programação religiosa teve início nas primeiras horas do sábado, com Ofício de Nossa Senhora, às 7h, seguido do tocar dos sinos, às 12h. O Angelus ocorreu às 18h e a Missa Festiva foi às 18h30, seguida de procissão, às 19h30.

A Filarmônica Minerva Cachoeirana participou da procissão, que percorreu as ruas próximas à capela, contando com membros da Irmandade e populares, que acompanharam a imagem da Santa em seu andor, encerrando na capela onde foi dada a benção final.